D E C R E T O: “cuidai do rebanho de Deus que está sob o vosso cuidado” (1Pd 5, 2)

0
32

Ipameri, 17 de março de 2020.

A todos os Presbíteros, Diáconos, Religiosos(as) e Fiéis da Diocese de Ipameri, Paz e Bênção em Nosso Senhor Jesus Cristo.

Diante da pandemia do coronavírus (COVID-19), a Diocese de Ipameri, renova o seu compromisso com a vida e seguindo as recomendações das autoridades civis e sanitárias do nosso país, a exemplo de outras dioceses, determina em todo o seu território normas e procedimentos;

Considerando que o Bispo Diocesano pode dispensar os fiéis das leis disciplinares em seu território, nos termos do cânon 87, § 1, do Código de Direito Canônico, leia-se: “O Bispo diocesano, sempre que julgar que isso contribui para o bem espiritual dos fiéis, pode dispensá-los das leis disciplinares tanto universais como particulares promulgadas pela autoridade suprema da Igreja para o seu território ou para os seus súbditos…”

Considerando o real e grave perigo de contaminação, em caso de aglomeração de pessoas;
Considerando o nosso propósito de colaborar com as autoridades públicas, ao mesmo tempo em que nos preocupamos em salvaguardar a vida e a saúde dos fiéis, dispomos o seguinte, até dia 03 de abril de 2020:

➢ Sejam canceladas, em toda Diocese, nas paróquias e todos os espaços eclesiais, as reuniões, catequese, grupos de oração, procissões e eventos que aglomerem pessoas. Porém, que todos estejam unidos em orações, penitências e sacrifícios pelo fim desta pandemia. Sabemos que não podemos nos abraçar, nem dar as mãos, mas podemos dobrar os joelhos e rezarmos: sozinhos ou em família;

➢ Ficam suspensas todas as celebrações eucarísticas ordinárias com fiéis, até o dia 3 de abril de 2020. Entretanto, em todas as paróquias, celebrem os presbíteros, diariamente, a Santa Missa, sine populo=sem o povo, em favor do Povo de Deus; o padre poderá celebrar e transmitir a santa missa pelos meios de comunicação: rádio, internet, tv, conforme as possibilidades de cada comunidade;

➢ Recomendamos que os idosos, os enfermos e as crianças permaneçam em suas casas.

➢ Devido a impossibilidade de participação presencial, neste tempo de exceção, a Santa Missa, com a comunhão espiritual, pode ser acessada por meio da televisão, nos canais católicos e outros que transmitem a santa missa, através da rádio, da internet em várias plataformas, cumprindo, assim, o preceito dominical;

➢ Ficam suspensos os mutirões de confissões; porém, mantenham-se as confissões individuais, com os devidos cuidados com a saúde do padre e de fiel penitente: não tocar nas mãos e manter uma certa distância como medida de segurança;

➢ Sejam celebrados somente Batismos de emergência; sobre matrimônios já agendados, trate-se com os noivos a respeito da conveniência de sua celebração pública ou com pouquíssimas pessoas;

➢ Ficam suspensas, por tempo indeterminado, as novenas, tríduos e procissões programadas;

➢ Sobre funerais e exéquias: a) os ministros que se encontram no grupo de risco não os presidam; b) em caso de exigência da parte de familiares da pessoa falecida, se observem as determinações gerais: dois metros de distância entre os presentes e participação mínima de pessoas no ato; c) havendo a possibilidade, que se faça a celebração ao ar livre.

➢ Sobre as celebrações da Semana Santa e Páscoa serão dadas, oportunamente, outras orientações específicas;

Meus amados irmãos(as) e filhos(as) no Senhor, nestes dias somos chamados a reconstruir a esperança, promover a solidariedade e incentivar a oração por todas as pessoas que trabalham na área da saúde, pelas muitas vítimas do Coronavírus e pedirmos a Deus para que permaneça conosco, com nossas famílias.

Recorramos a intercessão de Nossa Senhora da Salete e São Sebastião, Protetor contra a fome a peste e a guerra, implorando sua proteção e sua bênção maternal da mãe de Jesus e nossa.

Com a minha bênção,
Dom José Francisco Rodrigues do Rêgo
Bispo Diocesano