Jornada Mundial da Juventude: jovens em unidade com o Santo Padre

0
107

A JMJ é uma experiência da juventude mundial que iniciou na Páscoa de 1984 no encerramento do Ano Jubilar, em Roma. Naquele ano, São João Paulo II expressou seu desejo de se encontrar com a juventude de todo mundo, e então em 1987, em Buenos Aires, na Argentina, aconteceu a 1ª Jornada Mundial da Juventude.

As Jornadas acontecem sob duas formas:

Diocesana: a cada ano as dioceses são convidadas a realizar no Domingo de Ramos a sua jornada da juventude.

Mundial: esta forma é realizada geralmente a cada três anos sempre intercalando entre uma sede europeia e outra região do mundo.

Na América aconteceram jornadas em Buenos Aires-ARG, Denver-EUA, Toronto-CAN, Rio de Janeiro-BRA e agora em 2019 na cidade do Panamá-PAN.

No ano de 2013, quando a JMJ ocorreu no Rio de Janeiro, a Diocese de Ipameri enviou inúmeros jovens para participar. Eles foram acompanhados pelo Pe. Emerson Simplício, então Coordenador Diocesano de Pastoral, e diversas religiosas. Um grupo de seminaristas da diocese, juntamente com membros da Comunidade Obra de Maria marcaram presença.

Na Jornada Mundial da Juventude deste ano, que terá início nos próximos dias, o a Diocese de Ipameri será representada pelo Diácono Glauber. Ele embarcará na segunda-feira, dia 14. O jovem irá fazer uma dupla experiência: como peregrino e também como voluntário credenciado a realizar os trabalhos necessários e indicados pelo COL (Comitê de Organização Local).

No dia 24 de dezembro de 2018, quando faltavam 28 dias para o início da Jornada Mundial no Panamá, Glauber teve seu testemunho publicado em cinco idiomas, no site oficial da JMJ durante a contagem regressiva para a Jornada.

Veja clicando aqui